Mais de 100 corpos retirados de edifício em Taiwan após sismo de há uma semana

Mais de 100 corpos retirados de edifício em Taiwan após sismo de há uma semana

 

AO/Lusa   Internacional   13 de Fev de 2016, 11:33

As equipas de socorro de Taiwan retiraram mais de uma centena de corpos dos escombros do edifício residencial que desabou há uma semana, devido a um sismo, anunciaram sábado os serviços de emergência.

 

Segundo os bombeiros, o balanço do sismo de magnitude 6,4 na escala de Richter que atingiu a cidade de Tainan, no sul da ilha, eleva-se a 114 mortos, incluindo 112 no complexo residencial de Weiguan Jinlong.

Ao todo, foram retiradas 280 pessoas com vida dos escombros deste complexo residencial de 16 andares e composto por mais de 100 habitações.

A Procuradoria de Tawain deteve, na quarta-feira, três executivos da construtora responsável pelo Weiguan Jinlong, acusados de homicídio por negligência profissional, e congelou os seus bens e ativos.

No passado domingo, foram encontradas latas vazias e espuma de poliestireno em pilares que deveriam ter sido enchidos com betão.

Posteriormente, os investigadores descobriram também que tinham sido eliminados, possivelmente depois da construção, pilares nos pisos mais baixos do edifício, para aumentar a área livre.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.