Mais 575 idosos receberam complemento solidário em setembro


 

Lusa/AO Online   Economia   21 de Out de 2016, 13:21

Mais 575 pessoas beneficiaram do Complemento Solidário para Idosos (CSI) em setembro, comparativamente a agosto, totalizando 160.492 beneficiários, a grande maioria mulheres, segundo dados do Instituto da Segurança Social.

 

Os dados, publicados no ‘site’ da Segurança Social, referem que o número de beneficiários desta prestação social subiu de 159.917 em agosto, para 160.492 em setembro, um aumento de 0,4%.

Confrontando com o período homólogo de 2015, observa-se um decréscimo de 3,1% no número de beneficiários (menos 5.092).

Segundo as estatísticas do ISS, atualizadas a 20 de outubro, as mulheres representam 70% do total de beneficiários do Complemento Solidário para Idosos (112.630).

O Porto é o distrito que concentra o maior número de beneficiários (26.015), seguido de Lisboa (23.656), Braga (12.125) e Setúbal (11.041).

O Complemento Solidário para Idosos é um apoio em dinheiro pago mensalmente a pessoas com mais de 66 anos, com baixos recursos financeiros, no valor de 409,08 euros.

Relativamente ao número de pensionistas de velhice, os dados apontam que foi de 2.031.728 em setembro, menos 258 pessoas em relação a agosto e um aumento de 1% face ao mês homólogo de 2015 (mais 20.335 pensionistas).

Segundo a “Síntese de informação estatística da Segurança Social”, as pensões de velhice foram as que mais expressão tiveram no total de pensões (68%), seguidas das pensões de sobrevivência (24%) e das pensões de invalidez (8%).

Em setembro, os pensionistas de sobrevivência eram 714.835, a maioria (82%) mulheres, menos 6.097 relativamente a agosto (-0,8%).

Face ao período homólogo, houve uma ligeira queda de 0,1% (menos 567 pensionistas de sobrevivência), refere a sínteses estatística elaborada pelo Gabinete de Estratégia e Planeamento (GEP).

Segundo o relatório estatístico, tem vindo a assistir-se a um decréscimo gradual no número de pensionistas de invalidez.

Em setembro eram 242.338 pensionistas de invalidez, 53% dos quais mulheres, menos 1.158 do que em agosto e menos 10.119 face ao período homólogo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.