Maioria propõe IMI em função do agregado familiar e devolução de 50% do IVA de IPSS


 

Lusa/AO online   Nacional   14 de Nov de 2014, 18:07

A maioria PSD/CDS-PP entregou alterações ao Orçamento do Estado para a devolução às instituições de solidariedade social de 50% das despesas alimentares e a possibilidade de as autarquias diminuírem o IMI em função do agregado familiar.

 

Entre as propostas de alteração ao Orçamento do Estado (OE) para 2015, apresentadas em conferência de imprensa, o deputado do PSD Duarte Pacheco e a deputada do CDS Cecília Meireles destacaram também uma proposta para "reforçar o diferencial fiscal para as regiões autónomas", de 20 para 30%.

Relativamente às regiões autónomas, Duarte Pacheco salientou também uma outra proposta que deixa "claro, em sede orçamental, que o montante a devolver da sobretaxa aos cidadãos deverá sair do Orçamento do Estado e não do orçamento das regiões autónomas".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.