Macedo nega "intervenção administrativa" na atribuição de vistos 'gold'


 

AO/Lusa   Nacional   16 de Nov de 2014, 19:20

O ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, que este domingo anunciou a sua demissão do Governo, afirmou não ter qualquer intervenção no processo de vistos 'gold', garantindo ainda não estar pessoalmente envolvido nas investigações e no processo em curso.

 

“Não tenho qualquer intervenção administrativa no processo de atribuição de vistos e que pessoalmente nada tenho a ver com as investigações e o processo em curso como de resto infere na nota pública emitida pela Procuradoria-Geral da República”, afirmou Macedo numa declaração lida no Ministério da Administração Interna.

“Nesta, como noutras matérias, tenho pautado sempre a minha conduta pelo escrupuloso respeito da lei e da dignidade das instituições, ou seja, pessoalmente não sou responsável por nada do que está em causa nestas investigações”, reforçou.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.