Luso-canadiano quer tornar as portuguesas "mais poderosas" através da sua marca de sapatos

Luso-canadiano quer tornar as portuguesas "mais poderosas" através da sua marca de sapatos

 

LUSA/AOnline   Regional   4 de Set de 2016, 10:19

Um luso-canadiano pretende investir no mercado português a sua marca de sapatos e o objetivo é tornar as portuguesas "mais poderosas".

"Espero investir no mercado português até porque Lisboa é uma cidade moderna e as portuguesas são muito elegantes e com muito bom gosto. Assim posso torná-las mais poderosas", disse à agência Lusa Roberto Ruivo, um empresário e criador luso-canadiano.

Filho de emigrantes do Barreiro (Setúbal) e de S. Miguel (Açores), Roberto Ruivo, de 30 anos, reside em Toronto, no Canadá, mas foi no Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, que criou a sua própria marca de sapatos para as mulheres, num projeto iniciado em 2012.

Agora o empresário e criador quer "expandir a produção e abrir a sua própria loja em Lisboa", o que seria uma "porta de entrada" para o mercado europeu, naquele que considera o melhor "mercado do mundo na moda dos sapatos".

A criatividade pelas artes plásticas marcou a sua infância, e as ruas de Toronto não escaparam aos seus 'grafitis'.

No entanto, o luso-canadiano formou-se numa outra área profissional, em administração de empresas, na Universidade do Dubai.

O projeto atual teve início naquela instituição de ensino superior.

Nem os seus livros escaparam aos lápis e canetas, e tornaram-se em verdadeiras "obras de arte", facto que não passou despercebido aos seus colegas universitários.

"Há quatro anos uma companheira da turma pediu-me que lhe criasse uns sapatos para levar a um casamento, e levou-me uns desenhos com exemplos. Ao início tive algum receio, pois não tinha experiência nenhuma, mas depois arrisquei", recorda.

"Uns dias após o casamento, essa minha colega, juntamente com algumas primas e amigas, vieram ter comigo e pediram-me para lhes criar sapatos. Foi a partir daí que tudo começou", acrescentou.

Após esta etapa "importante da carreira", o criador decidiu dedicar-se mais aquela área e foi observar o processo de fabrico e produção de sapatos na América do Sul (Bolívia e Brasil), Ásia (China), e na Europa (Itália e Portugal).

Desde 2012 Roberto Ruivo já desenhou cerca de 40 modelos diferentes, e foram já produzidos quatro mil pares de sapatos.

O preço de cada par de sapatos varia entre os 200 aos 300 dólares canadianos (137 a 205 euros), conforme o modelo.

Atualmente os sapatos são comercializados em diversos mercados, nomeadamente em Toronto e no Dubai, e também estão disponíveis através de encomendas efetuadas pela Internet.

Quanto ao futuro, Roberto Ruivo pensa em avançar para modelos de sapatos para homem.

"Falta alguma criatividade no mercado dos sapatos masculinos. Faz falta uma coleção com um toque de classe, e posso fazer a diferença", concluiu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.