Luso-americanos recebem Ordem de Mérito Oficial e Ordem do Infante D. Henrique


 

Lusa/AO online   Nacional   10 de Dez de 2014, 13:38

Os políticos e empresários luso-americanos Daniel da Ponte e João Pacheco recebem em Providence, nos Estados Unidos, a Comenda da Ordem de Mérito e Leonel Teixeira recebe a Oficial da Ordem do Infante D. Henrique.

 

As distinções, que foram atribuídas em 2013 e 2014 por ocasião das comemorações do dia de Portugal, serão entregues no Congresso de Rhode Island, em Providence, pelo secretário de Estado das Comunidades, José Cesário, e pelo embaixador de Portugal em Washington, Nuno Brito.

José Cesário disse à agência Lusa que os três homens "representam algumas das qualidades mais importantes da comunidade" portuguesa nos Estados Unidos e que "têm sido fieis aliados das instituições portuguesas na Nova Inglaterra".

Daniel da Ponte, de 36 anos, é senador estadual em Rhode Island, cargo para que foi eleito com 20 anos, em 1998, tornando-se a pessoa mais jovem a exercer o cargo. Atualmente, é vice-presidente da Comissão de Finanças, Tecnologia e Regulamentos e tem uma empresa de consultoria.

"Apesar de ter nascido nos Estados Unidos, faz questão de falar português fluentemente e é uma figura muito respeitada por todo o trabalho que tem feito em prol da comunidade", explicou o secretário de Estado.

Quanto a Leonel Teixeira, 65 anos, antigo vice-cônsul de Portugal em Providence, Cesário disse que "é um elemento muito ativo e com quem o Estado português pode contar desde há muitos anos".

Originário do Funchal, Teixeira passou pelas Forças Armadas Portuguesas e foi colocado no Consulado de Portugal em Providence em 1981, passando a vice-cônsul em 2009. Nos Estados Unidos, serviu como delegado a quatro congressos das comunidades madeirenses e foi membro do conselho permanente da mesma organização.

José Cesário acrescentou que o terceiro homenageado, João Pacheco, "é uma referência absoluta na comunidade açoriana" e destacou "a sua presença sempre muito viva" em qualquer iniciativa.

Natural da Ribeira Grande, em São Miguel, Pacheco foi para os Estados Unidos em 1963 e é hoje conselheiro das Comunidades Portuguesas. Empresário na área do imobiliário, foi presidente da Casa dos Açores da Nova Inglaterra e presidente do Conselho Mundial da Casa dos Açores.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.