Eleições Autárquicas

Livre quer taxa turística em Ponta Delgada

Livre quer taxa turística em Ponta Delgada

 

Lusa/AO Online   Regional   21 de Set de 2017, 18:39

O cabeça de lista do Livre à Câmara de Ponta Delgada, nos Açores, defendeu hoje a aplicação de uma taxa turística no concelho, justificando que “os turistas impõem um custo”.

“Os turistas impõem um custo para a cidade. Os turistas dão lucro aos alojamentos hoteleiros e aos alojamentos locais, dão lucro aos cafés, dão lucro aos restaurantes, às empresas de turismo, mas representam um custo para a cidade em termos de saneamento básico, em termos de lixo”, declarou à agência Lusa José Azevedo.

O candidato referiu que Ponta Delgada é um concelho que tem “zonas naturais, zonas pedestres, de miradouros”, considerando que se está a assistir a um “desgaste muito grande” e são “necessárias verbas para recuperar isso”.

“Preocupa-nos muito quando se diz que não vai haver uma taxa turística, porque isso significa que se está a limitar os recursos da câmara para fazer frente a essas despesas”, salientou José Azevedo.

O cabeça de lista do Livre destacou, por outro lado, que “todas as grandes cidades têm uma taxa turística”, mas a sua aplicação deve ser “diferenciada em função do tipo de alojamento”.

“As pessoas que ficam num parque de campismo pagam pouco, as pessoas que ficam num hotel de cinco estrelas devem pagar mais”, referiu, insistindo que a aplicação da taxa turística é “absolutamente indispensável para poder” até “prestar um bom serviço aos turistas”, caso contrário é a população “a pagar as despesas dos turistas”, o que “não está certo”.

Na ação de hoje, numa zona da cidade de Ponta Delgada, candidatos do Livre estavam a proceder ao cruzamento de informação sobre alojamentos registados com as ofertas de alojamento disponibilizadas em plataformas eletrónicas.

“Temos a perceção de que haverá muita oferta que é clandestina”, admitiu José Azevedo, munido de uma listagem de ofertas de alojamento, “uma amostragem para tentar apreciar o grau em que isso acontece" e “se é um problema grave ou não”.

O município de Ponta Delgada é liderado pelo social-democrata José Manuel Bolieiro.

São candidatos à Câmara de Ponta Delgada nas autárquicas de 01 de outubro José Manuel Bolieiro (PSD), Vítor Fraga (PS), Bruna Almeida (CDS-PP/PPM), Kol de Carvalho (BE), Rui Teixeira (CDU), Pedro Neves (PAN) e José Azevedo (Livre).



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.