Bolsa

Lisboa recupera das perdas de quarta-feira ao ganhar quase 1%


 

Lusa / AO online   Economia   25 de Mar de 2010, 15:12

O principal índice da bolsa portuguesa encerrou esta quinta-feira a avançar 1,03 por cento, para os 8.067,38 pontos, em linha com a Europa, um dia depois da Fitch ter baixado o 'rating' da dívida de longo prazo de Portugal.
Na quarta-feira o PSI 20 recuou 1,03 por cento, reagindo em queda ao corte do 'rating' da dívida, de longo prazo, de Portugal de AA para AA-, com uma perspectiva negativa, feita pela agência de classificação de crédito Fitch Ratings, pelo que, com a subida de hoje, voltou a superar a barreira psicológica dos oito mil pontos.

Dos 20 títulos que compõem o índice PSI-20, 17 acabaram o dia a valorizar - com destaque para os cinco pesos pesados do índice de referência - e apenas três papéis terminaram a sessão em terreno negativo.

Na sessão de hoje foram movimentadas 42,6 milhões de acções, no valor de cerca de 114,7 milhões de euros.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.