Açores/Eleições

Líderes do PS e PSD encontraram-se em Santa Maria e trocam palavras de circunstância

Líderes do PS e PSD encontraram-se em Santa Maria e trocam palavras de circunstância

 

Lusa/AO Online   Regional   6 de Out de 2016, 07:11

Os líderes do PS e PSD nos Açores, candidatos à presidência do Governo Regional, encontraram-se pela primeira vez em campanha, no aeroporto de Santa Maria, de onde viajaram até São Miguel, tendo trocado palavras de circunstância.

 

O candidato do PSD pelo círculo eleitoral de São Miguel, Duarte Freitas, 50 anos, foi o primeiro a chegar ao único aeroporto da ilha de Santa Maria, acompanhado de uma comitiva de três pessoas.

Posteriormente, chegou o socialista Vasco Cordeiro, 43 anos, com os quatro elementos da comitiva, encontrando Duarte Freitas no bar do aeroporto, que cumprimentou com um aperto de mão.

“Foi uma conversa de circunstância entre pessoas amigas há 20 anos e que se perguntam pelas respetivas famílias”, referiu, posteriormente, à agência Lusa Duarte Freitas.

Já na sala embarque, a minutos de entrarem para o avião, os dois candidatos voltaram a trocar novas palavras de circunstância, quando o socialista Vasco Cordeiro já aguardava em pé, com a sua mala, numa fila.

Sorridente, Vasco Cordeiro desejou a toda a comitiva social- democrata “boa viagem”, terminando com a pergunta dirigida aos jornalistas: “estão satisfeitos?”.

Questionado pelos jornalistas, Duarte Freitas limitou-se a dizer que estava “sempre preparado para um encontro, num dia normal de campanha”.

O primeiro encontro casual dos dois candidatos adversários ocorreu ao quarto dia da campanha eleitoral no arquipélago e poderá não ser a única vez, porque é frequente os candidatos de vários partidos cruzarem-se nos aeroportos ou nos voos entre as ilhas.

Dentro do avião, Vasco Cordeiro ocupou o primeiro banco da frente, como costuma fazer enquanto presidente do Governo Regional, enquanto Duarte Freitas optou por viajar sentado a meio do avião ao lado de uma passageira anónima.

À tarde, os jornalistas tinham perguntado ao candidato socialista sobre o facto das duas comitivas terem estado hoje em campanha na mesma ilha (Santa Maria) e se isso o incomodava, tendo Vasco Cordeiro respondido que “de maneira nenhuma”.

“Vivemos numa região livre, cada campanha decide o seu programa e é natural que se encontrem, como já me encontrei com outros partidos”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.