Líder do PSD/Açores diz que "é hora de renovação" no arquipélago

Líder do PSD/Açores diz que "é hora de renovação" no arquipélago

 

AO/Lusa   Regional   30 de Ago de 2015, 15:30

O presidente do PSD/Açores, Duarte Freitas, disse este domingo que "é hora de renovação" no arquipélago, governado pelos socialistas há "demasiado tempo", e que conta ganhar as eleições regionais de 2016 com a ajuda das gerações mais jovens.

 

"Tudo tem o seu tempo. Também um governo que já vai com 20 anos tem o seu tempo, demasiado tempo, mais do que alguns de vós têm de idade", disse Duarte Freitas, perante uma plateia de jovens, no encerramento da segunda edição da Universidade de Verão do PSD/Açores, na Calheta, ilha de São Jorge.

Duarte Freitas sublinhou que a necessidade de renovação política na região não se deve apenas ao facto de o PS estar no poder há quase 20 anos consecutivos, mas por os Açores precisarem também de "mudar o paradigma de governação".

"Liberdade com responsabilidade, é este o lema. Porque ninguém pode ser feliz quando a sua liberdade de dizer o que pensa está limitada pelo medo da pressão de não arranjar emprego ou ser prejudicado. Aqui nos Açores este foi um sistema que se foi criando com um partido sempre com as mesmas pessoas no poder. E eles estão sempre os mesmos no poder há 20 anos. Ninguém pode ter medo de ser livre perante qualquer governo", acrescentou.

Duarte Freitas disse que a Universidade de Verão do PSD/Açores é a concretização de "um sonho" que tinha desde 2010 de criar um espaço de formação para a juventude açoriana que se traduzisse num "núcleo" de "reflexão", "energia" e "renovação" para o futuro do partido, mas, principalmente, para o futuro das ilhas.

Dizendo acreditar que por esta iniciativa "vai passar o futuro" dos Açores, acrescentou que o seu "sonho número um em termos políticos" é ganhar as eleições regionais do próximo ano "com estas novas gerações".

"Precisamos muito, os Açores, de vocês, para que de mãos dadas construamos um futuro em que a esperança não seja palavra vã, em que a renovação não seja mera circunstância e em que a ambição e energia nos façam fazer melhor cada dia pelos açorianos", afirmou.

Duarte Freitas referiu-se, por outro lado, às eleições nacionais deste ano e à "governação socialista que deixou também o país à beira da bancarrota" e "roubou o futuro" e "muitas oportunidades" às gerações mais jovens.

Depois de destacar que "o trabalho" do Governo liderado por Passos Coelho permitiu levar o país a uma "rota de esperança" e que "são já claros os indicadores de retoma", afirmou que "é chegado o momento" de fazer uma escolha simples: voltar "ao tempo da bancarrota socialista" ou "olhar em frente".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.