Lei de bases da proteção civil e financiamento dos bombeiros são prioridades

Lei de bases da proteção civil e financiamento dos bombeiros são prioridades

 

Lusa/AO Online   Nacional   28 de Jul de 2014, 06:31

O secretário de Estado da Administração Interna, João Almeida, afirmou hoje que a revisão da lei de bases da proteção civil e a lei de financiamento dos bombeiros são as prioridades para o segundo semestre deste ano.

João Almeida esteve, na noite de hoje, no Barreiro, nas comemorações dos 120 anos dos bombeiros Sul e Sueste.

"As duas prioridades para o segundo semestre do ano são a revisão da lei de bases da proteção civil e a lei de financiamento dos bombeiros, algo muito importante para a sustentabilidade dos bombeiros", afirmou.

O secretário de Estado considerou também que a situação do transporte de doentes é "muito preocupante", referindo que deve ser resolvida o mais rapidamente possível.

João Almeida afirmou ainda que o dispositivo tem dado uma resposta "extraordinária" durante a fase Charlie, a mais crítica de combate aos incêndios florestais no país.

"Alguns dizem que o clima tem permitido uma fase tranquila, mas quando existem mais incêndios não se fala do clima e sobra para todos. Todos os dias há incêndios florestais no país e não se deve menorizar o trabalho diário de um dispositivo que tem tido uma capacidade de resposta extraordinária", salientou.

Durante a cerimónia foi assinado com protocolo entre a Câmara Municipal do Barreiro, a Baía do Tejo, a Escola Nacional de Bombeiros e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste, para a instalação de Unidades Locais de Formação.

Estas duas unidades de formação são direcionadas para o Salvamento e Desencarceramento Ferroviário e da Busca e Resgate em Estruturas Colapsadas, funcionando no Parque Empresarial do Barreiro.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.