Juro do crédito à habitação volta a descer em setembro

Juro do crédito à habitação volta a descer em setembro

 

Lusa/AO online   Economia   22 de Out de 2014, 11:13

A taxa de juro dos contratos de crédito à habitação voltou a descer em setembro, tal como no mês anterior, mas aumentou nos contratos celebrados nos últimos 3 meses, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

No mês passado, a taxa de juro implícita no conjunto dos contratos de crédito à habitação foi de 1,471%, menos 0,020 pontos percentuais (pp) do que a taxa de 1,491% registada em agosto.

Os contratos celebrados nos últimos 3 meses, com uma taxa de juro implícita de 3,131%, registaram no entanto um aumento face à taxa de 3,071% registada em agosto.

Nos contratos que visam financiar a aquisição de habitação, a taxa de juro também sofreu uma redução ao passar de 1,505% em agosto para 1,484% em setembro, mas nos contratos celebrados nos últimos 3 meses foi 3,115%, superior em 0,065 pp à registada em agosto.

Para o conjunto dos contratos de crédito à habitação, o valor médio da prestação vencida fixou-se em 259 euros em setembro, idêntica à do mês anterior, mas para os contratos celebrados nos últimos 3 meses o valor foi de 353 euros, mais 13 euros do que em agosto.

O valor do capital médio em dívida, para a totalidade dos contratos de crédito à habitação, foi 57.019 euros em setembro, menos 86 euros do que em agosto.

O INE destaca a diminuição do capital médio em dívida desde setembro de 2011, salientando que atingiu uma redução acumulada de 2.615 euros.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.