Jornalista da Rádio Eclésia preso pela polícia no Namibe


 

Lusa/AO   Internacional   24 de Dez de 2007, 06:02

O jornalista angolano Armando Chikoca, da Rádio Eclesia, foi preso sábado pela polícia na cidade do Namibe, sul de Angola, após ter sido espancado num mercado daquela localidade, foi ontem divulgado.
Segundo a emissora católica de Angola, da qual Chikoca é correspondente no Namibe, o jornalista foi detido quando fazia a cobertura de um confronto entre polícias e vendedores ambulantes, num mercado municipal no Bairro 5 de Abril, situado nos arredores da cidade do Namibe.

    As autoridades governamentais locais haviam ordenado a destruição de todos os pequenos mercados, no âmbito de uma operação denominada "Tango", que começou em Luanda e foi alargada depois para as restantes províncias do país.

    O jornalista preso chegou mesmo a relatar que efectivos da polícia fizeram disparos para dispersar os vendedores e estes arremessaram pedras contra os agentes, resultando dos distúrbios três feridos.

    Natália Chikoca, filha do jornalista, contactada pela imprensa local, indicou que a família foi impedida até agora de contactar o pai que, depois de espancado, terá sido atirado para um carro de patrulha e levado para uma cadeia do comando provincial da corporação.

    Reagindo à prisão do jornalista, a secretária geral do Sindicato dos Jornalistas Angolanos (SJA), Luísa Rogério, condenou o acto, referindo que contraria os postulados da liberdade de expressão, de informação e viola os direitos humanos.

    "Isto constitui uma grave violação dos direitos dos cidadãos à informação, pelo que estamos a fazer tudo no sentido de apurar o que realmente se passou, numa altura em que as autoridades angolanas se dizem empenhadas na defesa dos direitos humanos", salientou Luísa Rogério.

    Em Novembro último um outro jornalista angolano, José Lelo, foi preso por militares na província de Cabinda por alegadamente fomentar à rebelião armada, encontrando-se até agora detido numa cadeia de Luanda.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.