João Sousa satisfeito com "nível muito elevado" a que jogou

João Sousa satisfeito com "nível muito elevado" a que jogou

 

Lusa/AO Online   Outras modalidades   21 de Jan de 2015, 17:46

O tenista português João Sousa mostrou-se, em declarações à agência Lusa, satisfeito pelo "nível muito elevado" a que jogou frente ao eslovaco Martin Klizan, na segunda ronda do Open da Austrália.

 

O número um português e 55.º do ‘ranking’ mundial beneficiou da desistência do eslovaco, 32.º cabeça de série, quando vencia por 4-6, 7-6 (7-4), 6-4 e 1-0, para atingir pela primeira vez a terceira ronda do primeiro torneio do Grand Slam da temporada.

“Estou contente com a minha prestação! Não comecei da melhor maneira o encontro se bem que os dois primeiros ‘sets’ foram muito exigentes a nível físico e mental. Ele não aguentou as condições atmosféricas da melhor maneira e optou por desistir. O terceiro ‘set’ e o princípio do quarto ‘set’ penso que joguei a um nível muito elevado e estou contente por ter acabado o jogo a jogar dessa maneira”, disse João Sousa.

João Sousa vai agora jogar com o britânico Andy Murray, sexto cabeça de série, que derrotou hoje o australiano Marinko Matosevic.

Este vai ser o quarto encontro entre ambos e o segundo em Melbourne, depois de, em 2013, Murray ter eliminado João Sousa na segunda ronda do Open da Austrália, naquela que foi a primeira de três vitórias do britânico.

“Já o defrontei por várias ocasiões e conhecemo-nos bem. Vai ser sem dúvida um encontro exigente para ambos. Agora o importante é recuperar bem e para estar a cem por cento na sexta-feira”, afirmou João Sousa.

Graças ao triunfo de hoje, o tenista português iguala também a sua melhor prestação de sempre em torneios do Grand Slam, depois de ter estado na terceira ronda no Open dos Estados Unidos em 2013.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.