Japão vai ter maior sistema de armazenamento de energia solar do mundo


 

Lusa/AO online   Economia   24 de Jun de 2015, 12:16

A empresa japonesa Mitsubishi Electric vai construir em Fukuoka (sul do Japão) o maior sistema de armazenamento de energia solar do mundo, com uma capacidade de 50.000 'kilowatts', confirmou a agência noticiosa espanhola EFE.

 

O projeto, encomendado pela companhia elétrica japonesa Kyushu Electric Power e que conta com financiamento estatal, consistirá numa rede de baterias, que ocupará uma extensão de 14.000 metros quadrados na localidade de Buzen e será capaz de fornecer eletricidade a 30.000 habitações.

O sistema permitirá armazenar o excesso de energia produzido por fábricas de energia solar e oferecer assim um abastecimento estável mesmo de noite ou quando baixa a produção devido a condições meteorológicas, explicou à EFE um porta-voz da Mitsubishi.

Uma vez construído, durante este ano, este será o maior sistema de armazenamento do tipo em todo o mundo, segundo a mesma fonte, que assinalou existirem instalações semelhantes em Itália e noutros países asiáticos, mas de menor capacidade.

O Japão tem como meta aumentar a sua produção de energias renováveis até aos 22 a 24 por cento do total até 2030, praticamente duplicando o nível atual.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.