Natal

Jantar de consoada "gourmet" em hotéis de luxo com cada vez mais adeptos

Jantar de consoada "gourmet" em hotéis de luxo com cada vez mais adeptos

 

Lusa/AO online   Nacional   23 de Dez de 2011, 10:40

A tradição de jantar com toda a família em casa na noite de consoada está a perder adeptos que, sem preocupações e sem olhar a preços, optam por uma requintada ceia de Natal num hotel.
Reunir toda a família à mesa em casa na noite de Natal depois de várias horas na cozinha a preparar o jantar é uma tradição a cair cada vez mais em desuso, já que muitos preferem o conforto e requinte, sem trabalho nem preocupações, oferecidos pelos hotéis que preparam um menu especial para a ceia de Natal.

É o caso do hotel Pestana Palace, em Lisboa, que tem preparado um menu temático de Natal para o jantar de consoada no dia 24 de dezembro.

O preço é de 85 euros por pessoa, mas isso não é impedimento já que, segundo o diretor do hotel, João Martins, já só existem duas mesas livres.

"Há cada vez mais pessoas que preferem não ter trabalho de cozinhar e procuram os restaurantes", disse à agência Lusa o diretor do Pestana Palace, João Martins.

Também o Hotel Sheraton, em Lisboa, tem um programa especial para a noite de Natal desde 2005 e, segundo o responsável de marketing Jorge Pimenta, "há cada vez mais procura".

"Temos já 70 por cento da capacidade do nosso restaurante esgotado. São cada vez mais as pessoas que preferem passar aqui a noite de Natal com a família", afirmou Jorge Pimenta, sublinhando que muitos dos que jantam na consoada estão hospedados no hotel.

O menu deste ano é confecionado pelo chefe Leonel Pereira que recorre à ementa tradicional do bacalhau com batatas mas "com mais requinte".

O cenário é semelhante nos hotéis do Porto, com o Hotel Intercontinental Porto, inaugurado este ano, que tem preparado para o menu da noite de sábado "bacalhau com cenoura, 'vichyssoise' de bacalhau e repolho e lasanha de bacalhau e lombo de novilho em massa folhada com espinafres".

O chefe Hélio Loureiro tem também preparada para a ementa especial para a consoada no restaurante Madruga, no Porto Palácio, "bacalhau cozido com todos, peru, lombinhos de cherne com molho de camarão e puré de batata e lombinho de vitela com molho moscatel do Douro".

Aliada à cada vez maior procura de ceias de Natal gourmet está a necessidade de ementas mais requintadas dos chefes de cozinha, tal como explicou à Lusa o chefe Rui Paula que sugere menus requintados mas com tradição.

"Não pode faltar a tradição portuguesa do bacalhau ou do polvo, mas claro que são confecionados de forma mais requintada, com uma apresentação mais sofisticada", concluiu.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.