Pescas

Investigadores procuram artes de pesca mais selectivas

Investigadores procuram artes de pesca mais selectivas

 

Lusa / AO online   Regional   28 de Abr de 2010, 12:26

Investigadores de nove países europeus e três extracomunitários iniciaram esta quarta-feira uma reunião na Horta, na ilha açoriana do Faial, para estudar artes de pesca mais selectivas, que permitam minimizar as capturas acessórias e acidentais em alto mar.
Este tema domina a terceira reunião anual do projecto internacional MADE (Mitigating Adverse Impacts of Open Ocean Fisheries), que decorre até 5 de Maio no Centro do Mar.

Este projecto é financiado pela União Europeia e conta com a participação do Departamento de Oceanografia e Pescas (DOP) da Universidade dos Açores.

Durante a reunião, cerca de três dezenas de cientistas nacionais e estrangeiros vão analisar propostas para a mitigação dos efeitos negativos das capturas acessórias e acidentais das duas maiores pescarias de oceano aberto em que a frota comunitária está envolvida, a pescaria de 'longline' de superfície e a pescaria de cerco ao atum.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.