Música

Indústria da música perdeu 70% de facturação em dez anos


 

Lusa/AO online   Nacional   20 de Dez de 2010, 17:51

A indústria discográfica portuguesa perdeu setenta por cento de facturação em dez anos, muito por culpa da pirataria na Internet, disse esta segunda-feira à Lusa o director-geral da Associação Fonográfica Portuguesa (AFP), Eduardo Simões.
O responsável falava no final de uma audiência com o PSD, a primeira de uma ronda com os partidos políticos para os sensibilizar para a falta de medidas legislativas sobre a pirataria na Internet.

Na audiência com a vice-presidente com o pelouro da cultura do PSD, Nilza Mouzinho de Sena, estiveram Eduardo Simões, o director-geral da editora EMI, João Teixeira, e os músicos João Gil, João Pedro Pais e Rita Redshoes.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.