Crise

Hospital de S. João aprova medidas extra para poupar 5,3 ME este ano


 

Lusa/AO online   Economia   26 de Mai de 2010, 16:56

O presidente do Conselho de Administração do Hospital de S. João, António Ferreira, estimou esta quarta-feira conseguir poupar este ano 5,3 milhões de euros com a implementação de medidas que visam "manter o equilíbrio financeiro" daquela unidade hospitalar.
Em conferência de imprensa, António Ferreira anunciou que a administração aprovou no dia 11 um pacote de medidas que visa o controlo financeira do hospital, entre as quais está redução de 10 por cento das remunerações base dos membros do Conselho de Administração e de 10 por cento nos subsídios de precariedade atribuídos a profissionais do hospital.

Estas medidas, aprovadas e já comunicadas à comunidade hospitalar, lembrou, "vêm na continuidade de um projecto que o S. João tem desde 2006".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.