Homem condenado a 19 anos de prisão por matar mulher


 

Lusa/AO online   Nacional   13 de Mar de 2015, 17:17

Um homem foi condenado, em Almada, a 19 anos de prisão por ter matado a mulher num contexto de violência doméstica, informou a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

Segundo a página da internet da PGDL, o arguido "baleou à queima-roupa" a companheira, "motivado por ciúmes e em desacordo com o fim da relação conjugal", decidido anteriormente pela vítima.

O acórdão foi proferido na quarta-feira pelo Tribunal de Almada.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.