Liga Zon Sagres

"Herói" Abel garante triunfo ao Sporting e disfarça nova exibição pobre

"Herói" Abel garante triunfo ao Sporting e disfarça nova exibição pobre

 

Lusa/AOnline   Futebol   24 de Out de 2010, 20:52

O Sporting pôs fim a uma série de quatro jogos sem vencer na Liga de futebol ao bater o “lanterna vermelha” Rio Ave, por 1-0, e subiu ao sétimo lugar, apesar de ter assinado mais uma exibição cinzenta na competição
Na oitava jornada, Abel marcou aos 89 minutos, com um remate cruzado, e “disfarçou” o mau futebol praticado pela equipa de Paulo Sérgio que, após os 5-1 impostos ao Gent na Liga Europa, voltou a desiludir no campeonato.

Durante 80 minutos, o Sporting raramente incomodou a defensiva do Rio Ave e o guarda-redes Rui Patrício, por duas vezes, salvou mesmo a sua equipa ficar em desvantagem perante o último classificado da Liga. Nos últimos 10, acordou e “esbarrou” por três vezes nos ferros da baliza adversária, antes de o lateral direito garantir uma vitória que já parecia improvável.

Depois de quatro jogos sem vencer (três empates e uma derrota), o Sporting esboçou um sorriso bem amarelo no campeonato português e subiu ao sétimo lugar, com 12 pontos, ficando provisoriamente empatado com o campeão Benfica, que ainda hoje defronta o Portimonense.

Com Rui Patrício e Nuno André Coelho no “onze”, respetivamente nos lugares de Hildebrand (opção) e Anderson Polga (lesão), o Sporting cedo fez esquecer a boa exibição realizada na Liga Europa e voltou a apresentar um futebol sofrido, sem imaginação e com muitas dificuldades na construção de jogo, principalmente no setor ofensivo.

O “renascido” Hélder Postiga teve uma boa oportunidade (a única da sua equipa na primeira parte) logo aos nove minutos, mas, após bom trabalho dentro da área, rematou, desastrado, para as bancadas.

Aos 28 minutos, o internacional português pensou mesmo que tinha colocado o Sporting a vencer mas o lance foi anulado, e bem, pelo árbitro Olegário Benqurença, por falta do avançado sobre o guarda-redes Paulo Santos.

Apesar de se apresentar em Alvalade com o estatuto de último classificado da Liga, o Rio Ave apareceu bem organizado e só não chegou ao intervalo em vantagem porque Rui Patrício efetuou uma grande defesa a um remate inesperado de João Tomás.

Logo no início da segunda parte, com o Sporting a manter um estilo de jogo quase anárquico, o guarda-redes “leonino” venceu novo duelo com o avançado do Rio Ave, desta vez com uma defesa segura a um cabeceamento traiçoeiro de Tomás.

Depois de o Sporting só ter incomodado o guarda-redes dos vilacondenses aos 65 minutos, por Postiga, o técnico Paulo Sérgio ainda tentou espevitar a sua equipa, sem resultado, ao lançar na partida Matias Fernandez, que rendeu Liedson lesionado, e Valdes, que substituiu o apagado Diogo Salomão.

Os dois chilenos entraram cansados no jogo e nada acrescentaram à formação de Alvalade, que só se lembrou de realmente procurar a vitória nos últimos minutos, com João Pereira e Hélder Postiga, este por duas vezes, a acertarem nos postes e na barra da baliza de Paulo Santos.

Do “céu” caiu o golo da vitória do Sporting, por Abel, aos 89 minutos, através de remate cruzado, após mais uma jogada confusa da equipa de Paulo Sérgio.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.