Helena André desafia UE a criar novos instrumentos de combate à exclusão


 

Lusa / AO online   Economia   21 de Jan de 2010, 17:50

A ministra do Trabalho desafiou a União Europeia (UE) a criar novos instrumentos de combate à pobreza e garantiu a participação e o empenho de Portugal, país onde o risco de pobreza atinge quase duas em cada dez pessoas.
Discursando na conferência de abertura do Ano Europeu da Luta contra a Pobreza e Exclusão Social, em Madrid, a ministra Helena André afirmou que esta é uma das prioridades do Governo português e, em particular, do seu Ministério.

A responsável pela pasta do Trabalho e da Solidariedade Social afirmou que em Portugal 18 por cento da população está em risco de pobreza, uma percentagem "claramente elevada" mas que está "próxima da média da União Europeia", em grande parte devido à crise económica.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.