Guiné-Equatorial pode aumentar produção de petróleo em quase 50%

Guiné-Equatorial pode aumentar  produção  de petróleo em quase 50%

 

Lusa/AO Online   Economia   13 de Ago de 2010, 06:26

A produção petrolífera da Guiné Equatorial deverá aumentar, graças à exploração de dois novos poços, entre 160 mil a 170 mil barris diários, anunciou na quinta feira o ministro da Indústria, das Minas e das Energia, sem precisar datas.

“As previsões de exploração do bloco 1 avançam uma produção máxima de cem mil barris diários e está igualmente prevista uma exploração possível no bloco 0 entre 60 mil a 70 mil barris por dia”, afirmou Marcelino Owono Edu, no site na Internet do Ministério da Informação.

O ministro assegurou que a Guiné Equatorial já produz diariamente 350 mil barris de petróleo, quantidade que sobe para 400 mil se se somarem os condensados de gás.

“Os estudos atuais mostram que temos reservas de petróleo provadas até 2035 e de gás até 2045”, pormenorizou o ministro.

As jazidas petrolíferas na Guiné Equatorial são exploradas principalmente por empresas norte-americanas.

O petróleo representa 95 por cento das receitas do país, ainda segundo Owono Edu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.