Índia

Grupo maoista reivindica autoria do descarrilamento de comboio na Índia


 

Lusa / AO online   Internacional   28 de Mai de 2010, 12:27

Um grupo apoiado pela rebelião maoista indiana reivindicou esta sexta-feira a autoria do descarrilamento de um comboio no leste do país, do qual resultaram pelo menos 71 mortos, refere um novo balanço da agência noticiosa Press Trust of Índia (PTI).
Um “comité do povo contra as atrocidades da polícia” (PCPA) reivindicou a sabotagem de um comboio expresso que fazia a ligação entre Calcutá a Bombaim, numa chamada telefónica à PTI.

Segundo um novo balanço fornecido pela polícia, pelo menos 71 pessoas morreram e pelo menos 120 ficaram feridas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.