França

Greves em França custam entre 200 e 400 milhões de euros por dia


 

Lusa/AO online   Economia   25 de Out de 2010, 11:38

O custo das greves que afectam a França varia entre 200 e 400 milhões de euros por dia, afirmou esta segunda-feira a ministra da Economia francesa, Christine Lagarde, em declarações à rádio Europe 1.
A factura para a economia francesa está estimada por “alguns (…) entre 200 e 400 milhões de euros por dia”, disse Lagarde, sublinhando que este custo é difícil de precisar.

Christine Lagarde referiu ainda que as greves e os incidentes em acções de protesto contra o aumento da idade mínima de reforma dos 60 para os 62 anos representam também um “prejuízo moral” para a França, cuja imagem tem sido prejudicada no exterior.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.