Grandes empresas deverão ter aumento de 10 por cento na tarifa da energia


 

Lusa/AO online   Economia   7 de Dez de 2010, 17:14

A EDP revelou esta terça-feira que as grandes empresas, no segmento de alta tensão, poderão ter um aumento de 10 por cento na tarifa em 2011, enquanto nas empresas na média tensão esse aumento na tarifa proposto pela ERSE é de 4 por cento.
"Os grandes [clientes, na alta tensão] se tiverem a tarifa e continuarem à tarifa [o que poderão fazer transitoriamente durante um ano] vão ter um aumento de 10 por cento. Os pequenos e médios vão ter um aumento de 4 por cento, nas tarifas propostas pela ERSE", disse hoje o administrador da EDP João Manso Neto, no decorrer de um encontro que a eléctrica convocou com jornalistas.

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) tem previsto anunciar as tarifas para o próximo ano a 15 de Dezembro, mas as suas propostas são já conhecidas e foram debatidas no Conselho Tarifário, um órgão que inclui várias associações de consumidores e a EDP, enquanto incumbente da tarifa regulada para domésticos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.