Governo vai pedir a transferência de verbas no PRORURAL+ à Comissão Europeia

Governo vai pedir a transferência de verbas no PRORURAL+ à Comissão Europeia

 

Miguel Bettencourt Mota   Regional   25 de Jan de 2018, 10:41

Há medidas contempladas no PRORURAL+ que não têm colhido o interesse dos produtores na Região e, por essa razão, o Governo Regional vai solicitar a transferência de verbas entre medidas do programa para as poder aplicar onde há necessidade de reforço.

 


O anúncio foi feito pelo secretário regional da Agricultura e Florestas, esta quarta-feira, quando falava na cerimónia de entrega do Livro do Contraste Leiteiro 2016, promovido pela Associação Agrícola da ilha Terceira.

“Há um conjunto de medidas que não têm tido candidaturas na Região e, desta forma, serão disponibilizados cerca de 5,5 milhões de euros para aplicar noutras medidas que necessitam de ser reforçadas”, afirmou João Ponte, citado por uma nota de imprensa do gabinete de comunicação do executivo regional.

A necessidade de investimentos na modernização agrícola e os pagamentos aos agricultores a favor de zonas sujeitas a condicionantes naturais, foram os exemplos elencados pelo governante durante a sua intervenção, onde destacou ainda o bom aproveitamento que os fundos do PRORURAL + têm no arquipélago e deu nota de uma taxa de execução de 40 por cento.


 




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.