Governo vai enviar para a Madeira força de combate a incêndios


 

LUSA/AO online   Nacional   9 de Ago de 2016, 18:49

O Governo vai enviar uma força de combate a incêndios para a Região Autónoma da Madeira constituída por bombeiros, elementos da GNR e INEM, foi hoje anunciado na Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC)

As chamas deflagraram na tarde de segunda-feira nas zonas altas do Funchal, em São Roque, pelas 15:30, mas surgiram entretanto novos focos noutros concelhos da costa sul da ilha da Madeira.

O cenário de incêndios registados hoje no Funchal, Madeira, complicou-se a partir das 18:00, devido ao aumento da intensidade do vento e à alteração da sua direção, havendo algumas zonas com “fogo descontrolado”, disse o presidente da câmara, Paulo Cafôfo.

Num balanço das operações, cerca das 19:00, o autarca indicou que a situação se agravou nas Barbosas e no Curral dos Romeiros, na zona alta do concelho.

“Neste momento o fogo está descontrolado nestas zonas”, afirmou, referindo que nestes locais há pessoas a serem retiradas de casa.

Também as zonas da Choupana, do Hospital João de Almada e de Santa Luzia geram preocupação entre as autoridades.

Este hospital não foi evacuado, mas alguns familiares retiraram já doentes, indicou Paulo Cafôfo. Os bombeiros estão no local a evitar que um tanque de gás seja atingido.

Na zona da Choupana, um hotel foi também evacuado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.