Governo vai criar instituto científico

Governo vai criar instituto científico

 

Lusa / AO Online   Regional   11 de Dez de 2007, 13:27

O Governo açoriano anunciou hoje a criação em 2008 de um instituto científico e tecnológico vocacionado para as áreas da Biotecnologia e Biomedicina, entidade que vai reunir todos os grupos de investigação sediados nos Açores.
    Segundo o Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GACS) do Governo Regional, o Instituto de Biotecnologia e Biomedicina dos Açores será criado em parceria com a Universidade e instituições hospitalares com serviços de investigação científica no arquipélago.

    Para o director regional da Ciência e Tecnologia, estão "reunidas as condições necessárias para que o instituto se constitua no início de 2008", tanto mais que já foi criada uma comissão científica para o efeito.

    João Luís Gaspar adiantou que a comissão é formada por responsáveis indicados por cada uma das unidades de investigação parceiras do projecto, que beneficiará de um financiamento de 25 mil euros.

    "Trata-se de reunir numa mesma estrutura de gestão os melhores recursos existentes nos Açores, abrindo-se as portas a outros parceiros externos que possam contribuir para o desenvolvimento célere e devidamente organizado destes domínios científicos", disse.

    João Luís Gaspar explicou, ainda, que com este instituto o Executivo Regional pretendeu ter "um único interlocutor que congregue os diferentes grupos de especialistas neste domínio", de modo a concertar as principais linhas de financiamento e medir de forma rigorosa do impacto de todas as actividades realizadas.

    O futuro instituto contará com uma nova infra-estrutura a edificar no futuro Parque Tecnológico da ilha Terceira, refere uma nota do GACS.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.