Apresentadas três propostas para construção de 'ferry' para 650 passageiros e 150 viaturas

Apresentadas três propostas para construção de 'ferry' para 650 passageiros e 150 viaturas

 

Lusa/AO online   Regional   22 de Mai de 2018, 16:29

Foram apresentadas três propostas para construção de um "ferry" com capacidade para 650 passageiros e 150 viaturas, anunciou esta terça-feira o Governo Regional.

De acordo com uma nota do gabinete de comunicação do executivo açoriano, "apresentaram proposta os candidatos qualificados na primeira fase do concurso, concretamente Astilleros Armon, S.A., com um preço de 47,5 milhões de euros, Hijos de J. Barreras, com um preço de 59 milhões de euros, e Amedeo Resources PLC e Taizhou Kouan Shipbuilding CO Ltd, em agrupamento, com um preço de 43,5 milhões de euros".

Segue-se agora a fase de análise e avaliação das propostas, de acordo com o exigido no programa de concurso e caderno de encargos, após o que será emitido um relatório preliminar e concedido um prazo de audiência prévia aos concorrentes.

Depois de concluída a audiência prévia, será emitido um relatório final para decisão da Secretária Regional dos Transportes e Obras Públicas e, conforme o caderno de encargos, "o prazo de entrega do navio a construir é, no máximo, de 580 dias de calendário", prossegue a mesma nota.

O júri do concurso é presidido por José Manuel Monteiro da Silva, Juiz Conselheiro do Tribunal de Contas, jubilado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.