Governo lança novo concurso para incubadora de empresas em Santa Maria

Governo lança novo concurso para incubadora de empresas em Santa Maria

 

Lusa/Açoriano Oriental   Regional   12 de Jun de 2017, 11:15

O Governo dos Açores lançou um segundo concurso público para adaptar a incubadora de empresas o antigo edifício das oficinas gerais do aeroporto de Santa Maria, depois de um primeiro, há um ano, ter ficado vazio.

O primeiro concurso foi lançado a 7 de julho do ano passado e previa um investimento de 1,5 milhões de euros, contemplando a criação de uma incubadora de empresas para albergar o Centro de Desenvolvimento e Inovação Empresarial de Santa Maria.

Então, Lubélia Chaves, presidente do conselho de administração da Ilhas de Valor, empresa pública regional responsável por investimentos na área empresarial e do turismo, referiu que foi feito um levantamento de áreas preferenciais que pudessem ocupar a incubadora, tendo havido manifestações de interesse por parte de empresas ligadas ao artesanato, tecnologia e serviços, além de outras áreas.

Lubélia Chaves considerou ainda ser “um investimento de grande importância, por se tratar da reabilitação de um edifício existente que albergou várias atividades na ilha, e pela função que vai disponibilizar a Santa Maria, não só ao setor empresarial local, como a outras do exterior, e no desenvolvimento de novas ideias e novos projetos”.

O concurso público hoje lançado pela Vice-presidência do Governo Regional, através da Ilhas de Valor, tem um valor superior a 1,7 milhões de euros e a empreitada está integrada na requalificação do património histórico da ilha, "inserindo-se ainda no âmbito da estratégia de fortalecimento do desenvolvimento coeso do arquipélago", segundo o executivo açoriano.

A obra tem um prazo de execução de 365 dias e prevê a adaptação do edifício existente com "o objetivo de contribuir para o incremento da economia e a criação de emprego".

Está prevista a criação de um espaço polivalente que inclui uma incubadora de empresas para acolhimento e apoio a empreendedores para a criação de novos negócios.

O projeto contempla, ainda, salas de formação, exposição e comercialização, espaços para escritórios e serviços, um "FabLab” no espaço denominado Laboratório de Recursos Endógenos e a instalação de indústrias criativas beneficiando, assim, toda a economia da ilha e a população em geral.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.