Governo fornece documentos sobre barcos

Governo fornece documentos sobre barcos

 

Lusa/AOonline   Regional   19 de Abr de 2010, 14:48

O governo açoriano enviou hoje ao parlamento regional “toda a documentação solicitada” pela Comissão Eventual de Inquérito ao Processo de Construção dos Navios Atlântida e Anticiclone, anunciou a Secretaria Regional da Economia.

No total, foram enviados para a Assembleia Legislativa Regional 22 volumes, com cerca de 7000 páginas de documentos relacionados com a construção dos dois navios nos Estaleiros Navais de Viana do Castelo.

A documentação agora enviada ao parlamento pretende responder aos 43 pontos solicitados pela comissão de inquérito.

Os dois navios deveriam assegurar as ligações entre as ilhas do arquipélago, mas acabaram por nem sequer chegar aos Açores.

O governo regional rejeitou o navio Atlântida por não cumprir os requisitos contratualmente definidos e, algum tempo depois, manifestou também o seu desinteresse no Anticiclone.

O diferendo entre os estaleiros nortenhos e o executivo açoriano culminou com um acordo em finais de 2009.

Na sequência do processo de construção dos dois navios, a oposição açoriana, numa inédita iniciativa conjunta, propôs a criação de uma comissão de inquérito, que acabou por ser constituída também com os votos favoráveis da maioria socialista.

A comissão foi criada em janeiro, mas, depois da primeira reunião, ficou a aguardar os documentos solicitados aos governos da Região e da República.

Até agora, a comissão apenas tinha recebido os relatórios das auditorias do Tribunal de Contas e o relatório da audição no parlamento regional do secretário regional da Economia, Vasco Cordeiro.

Na sequência do impasse nos trabalhos da comissão, a questão foi levantada recentemente na conferência de líderes parlamentares, já que está cumprido metade do prazo atribuído à comissão para apresentar um relatório e apenas foi feita uma reunião.

 

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.