Governo em desacordo com decisão do BdP de pôr dívida no


 

Lusa/AO online   Economia   13 de Jan de 2016, 14:03

O Governo português terá estado contra a decisão do Banco de Portugal de impor perdas aos detentores de dívida sénior do Novo Banco, numa operação que permitiu recapitalizar a instituição, noticiou a agência financeira Bloomberg, citando duas fontes.

 

De acordo com a notícia, o secretário de Estado do Tesouro, Ricardo Mourinho Félix, afirmou num encontro com investidores na segunda-feira que o Ministério das Finanças expressou preocupações quanto à decisão de passar as obrigações seniores, que na resolução do BES ficaram no Novo Banco, para o ‘banco mau’, disseram duas pessoas que estiveram presentes na reunião e que preferiram não ser identificadas.

Os fundos gestores de ativos Pacific Investment Management (Pimco) e BlackRock, os maiores detentores de dívida, estavam entre investidores presentes no evento que decorreu em Londres.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.