Governo dos Açores garante já ter dado parecer à ampliação de Oficina Museu


 

Lusa/AO Online   Regional   13 de Ago de 2014, 06:18

O Governo dos Açores informou já ter respondido favoravelmente, por duas vezes, ao documento enviado pela Câmara de Ponta Delgada quanto ao projeto de ampliação da Oficina Museu, na ilha de São Miguel.

 

A Secretaria Regional da Saúde, que tutela o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, adiantou numa nota de esclarecimento que respondeu à Câmara Municipal, pela primeira vez, a 25 de novembro de 2011, tendo voltado a informar a autarquia, em resposta a nova solicitação, a 23 de abril de 2014, que em ambas as situações “nada tinha a opor” ao projeto.

O proprietário da Oficina Museu das Capelas, nos Açores, tinha afirmado à Lusa que a autarquia de Ponta Delgada já tinha enviado o documento para a Proteção Civil, para obter parecer sobre a ampliação da infraestrutura, mas esta entidade ainda não tinha dado qualquer resposta.

Manuel Melo, dono do museu que dá a conhecer vários ofícios antigos, revelou que sonha ampliar o espaço para expor mais objetos, um investimento orçado em 1,2 milhões de euros para o qual ainda não tem dinheiro.

Contactado hoje pela Lusa, Manuel Melo admitiu que “houve um lapso”, tendo já agendado para terça-feira uma reunião com o arquiteto responsável pelo projeto de ampliação da Oficina Museu para esclarecer toda a situação.

A Oficina Museu, localizada nas Capelas, ilha de São Miguel, foi fundado em 1998 por Manuel Melo - um antigo professor primário, já reformado e apaixonado pela preservação da memória histórica -, contendo uma das maiores coleções de peças de ofícios desaparecidos ou em risco de desaparecer.

Neste “espaço de memória, que fala de vida”, como descreve, pode encontrar-se lojas dos antigos sapateiros, farmácia, barbearia, liquidadora, taberna, livraria, alfaiataria ou olaria, entre outras, recheadas com inúmeras peças originais de época.

O projeto de ampliação do espaço prevê criar um largo e uma nova rua com 50 metros, para albergar cerca de 20 novas lojas, de modo a que o museu passe a ter no total 55.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.