Governo regional entrega à GNR cinco novas viaturas

Governo regional entrega à GNR cinco novas viaturas

 

Lusa/AO online   Regional   29 de Jan de 2015, 10:57

O Governo dos Açores vai reforçar os meios técnicos da Guarda Nacional Republicana (GNR) no arquipélago, entregando cinco novas viaturas, em reconhecimento pelo trabalho desenvolvido pelos cerca de 250 efetivos distribuídos pelas nove ilhas.

 

“Neste momento, em termos de reforço de meios e através do apoio do Governo Regional, irão ser reforçados com cinco viaturas”, afirmou aos jornalistas o comandante-geral da GNR Manuel Mateus Costa da Silva Couto, acrescentando que, nos últimos dois anos, também tem sido reforçado o número de efetivos.

O comandante-geral da GNR, que falava em Ponta Delgada após uma audiência com o Presidente do Governo dos Açores, preside hoje à tarde à cerimónia de transferência do comando territorial dos Açores, que passará a ser chefiado por João Maia.

As missões que a GNR tem nos Açores prendem-se, fundamentalmente, com a vigilância costeira, fiscal e aduaneira, bem como com a proteção da natureza e ambiente.

“Na área da proteção da natureza e ambiente, tem havido um pequeno acréscimo na deteção de alguns ilícitos, nomeadamente, pescado de espécies reservadas e fruto da nova legislação sobre maus tratos de animais ou danificação da natureza com lixos tóxicos”, afirmou Manuel Mateus Costa da Silva Couto.

O presidente do Governo dos Açores, que elogiou o trabalho e cooperação com as entidades públicas do comandante cessante, realçou o papel e trabalho que tem sido desenvolvido ao longo dos anos pela GNR no arquipélago.

“Valorizamos, naturalmente, também a ação da GNR na região pelo facto de contribuir em muitos casos para a efetivação da legislação regional e para a defesa e tutela de interesses coletivos”, referiu Vasco Cordeiro, acrescentando ser “este o motivo pelo qual o Governo tem disponibilizado apoio para reforçar os seus meios técnicos”.

Em 2014, o Governo dos Açores entregou oito viaturas à PSP e à GNR, que custaram cerca de 238 mil euros, entidades a quem pediu especial atenção à segurança rodoviária nas ilhas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.