Governo dos Açores aprova hoje orçamento da região para 2015

Governo dos Açores aprova hoje orçamento da região para 2015

 

Lusa/AO Online   Regional   29 de Set de 2014, 11:43

O Conselho do Governo dos Açores vai aprovar hoje a proposta de Plano e Orçamento da região para 2015, documentos que apresentará aos parceiros sociais na terça-feira e entregará no parlamento da região no final de outubro.

O Conselho do Governo dos Açores vai reunir-se hoje à tarde em Ponta Delgada para aprovar as antepropostas dos documentos orçamentais (plano anual de investimentos públicos e orçamento) da região autónoma para o próximo ano, segundo um comunicado do executivo.

Na terça-feira, será a vez de reunir o Conselho Regional de Concertação Estratégica, convocado pelo presidente do executivo açoriano, Vasco Cordeiro, para apresentar aos parceiros sociais as propostas do Governo Regional para 2015, revela a mesma nota.

Os parceiros sociais foram ouvidos pelo presidente e pelo vice-presidente do Governo dos Açores a 15 de setembro no âmbito da preparação dos documentos que serão hoje aprovados.

Nesse dia, as centrais sindicais UGT e CGTP-IN defenderam a criação de emprego nos Açores “com direitos e estabilidade”, assim como o aumento do complemento dado ao salário mínimo como uma das prioridades para o orçamento regional de 2015.

Já a Federação Agrícola dos Açores disse que as preocupações deste setor têm a ver com "investimentos que ainda são necessários fazer", nomeadamente "a nível de caminhos, abastecimento de água, luz às explorações e sistemas de incentivos à compra de terrenos", além de melhores transportes.

A Federação das Pescas dos Açores apontou a necessidade de um reforço das verbas para apoio social a pescadores e armadores, já que alguns profissionais da pesca "foram muito penalizados" nos últimos meses.

Por sua vez, a Câmara do Comércio e Indústria dos Açores preconizou a necessidade de privilegiar e "reforçar os apoios às atividades ligadas à produção, bens e serviços, salvaguardar no seu essencial a base empresarial e desenvolver uma estratégia regional baseada em estratégias de ilha".

O executivo, por seu turno, considerou haver "sintonia efetiva" com os parceiros sociais relativamente às prioridades dos investimentos do próximo ano.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.