Governo aprova financiamento comunitário para investimentos agroindustriais de 75 milhões de euros


 

Lusa/AO Online   Economia   10 de Mar de 2016, 17:30

O ministro da Agricultura anunciou hoje, na Venda do Pinheiro, que aprovou candidaturas de 75 projetos no setor agroindustrial, no valor de 75 milhões de euros, que estavam por analisar desde 2015.

 

"Temos este ano 600 milhões de euros [da comparticipação nacional] para o Plano de Desenvolvimento Rural (PDR) 2020 e hoje foram contratados 75 projetos, correspondentes a 75 milhões de euros", afirmou à agência Lusa Capoulas Santos, no final de uma visita à fábrica de queijos do grupo Queijos Santiago, sediado em Montemuro, Venda do Pinheiro, concelho de Mafra.

"É importante pôr, em velocidade cruzeiro, o PDR 2020, que tem um envelope financeiro de quatro mil milhões de euros e é imperioso que os agentes económicos possam beneficiar desses apoios", frisou.

O governante adiantou que, no âmbito do PDR 2020, estão por analisar 24 mil candidaturas de projetos agrícolas, garantindo que "a partir de 2016 vai pôr o programa a funcionar em velocidade cruzeiro e usar a 100% da dotação orçamental, 600 milhões de euros".

Capoulas Santos disse que o PDR teve uma "taxa de execução de 0% em 2014 e muito baixa em 2015", justificando assim os atrasos na aprovação das candidaturas.

Desde janeiro deste ano, já aprovou mais de 440 candidaturas.

Por querer "acelerar a aprovação de candidaturas e imprimir uma nova dinâmica e uma nova orientação política na gestão do PDR" o ministro confirmou a existência de demissões na gestão do PDR.

O governante anunciou que "já escolheu a nova equipa" substituta, que deverá entrar em funções a 22 de março, altura em que a demissionária cessa o seu mandato.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.