Governo acusa PSD de "oportunismo"

Governo acusa PSD de "oportunismo"

 

Lusa / AO online   Regional   12 de Mai de 2010, 15:20

O secretário regional da Presidência, André Bradford, assegurou hoje que o governo açoriano tem colaborado anualmente num esforço financeiro para dotar com melhores equipamentos a rádio e televisão públicas no arquipélago, acusando o PSD de "oportunismo".

"O projeto de resolução (apresentado pelo PSD no parlamento regional) não tem conteúdo, não tem alcance, só tem timing, que é o do oportunismo partidário", afirmou André Bradford, em declarações aos jornalistas em Ponta Delgada.

O secretário regional da Presidência, que falava depois de ter sido ouvido pela Comissão de Assuntos Parlamentares, Ambiente e Trabalho sobre o projeto de resolução do PSD relativo ao Serviço Público de Rádio e Televisão nos Açores, acusou os social democratas de terem "aproveitado" a audiência ao diretor da RTP/Açores para "produzir um documento politico".

"Todos nós defendemos um serviço público de rádio e televisão de qualidade, de financiamento e responsabilidade do Estado, garantindo a universalidade do acesso de todos os portugueses a uma cobertura televisiva e radiofónica de matriz pública", frisou.

André Bradford admitiu, no entanto, que "existem ainda problemas" na rádio e televisão públicas nos Açores do ponto de vista técnico e de recursos humanos, apesar de "alguns progressos" em termos de instalações.

Nesse sentido, recordou que "o governo regional tem colaborado anualmente no esforço financeiro necessário para dotar (a RTP e RDP) de melhores equipamentos", defendendo que "não é com iniciativas (como o projeto de resolução do PSD) que se concretizam melhorias no serviço público de rádio e televisão".

Para André Bradford, a iniciativa legislativa do PSD "tem uma redação um pouco dúbia e deixa uma porta entreaberta a uma eventual privatização da RTP", posição que frisou não ser partilhada pelo governo regional.

"O governo tem dito várias vezes que o que existe não é o ideal e que há carências que temos que procurar suprir, mas dentro do modelo que existe, exclusivamente público", defendeu.

Nas declarações que prestou aos jornalistas, André Bradford revelou ainda o apoio das autoridades regionais a uma eventual integração da RTP/Açores no serviço de televisão por cabo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.