Florida executa homem que estava há 30 anos no corredor da morte


 

Lusa/AO online   Internacional   30 de Out de 2015, 09:27

O estado norte-americano da Florida executou na quinta-feira um homem que estava no corredor da morte há 30 anos por ter matado quatro pessoas, incluindo a própria filha, de cinco anos de idade, em 1985.

Jerry Correll, de 59 anos, morreu por injeção letal às 19:36 (23:36 em Lisboa), segundo McKinley Lewis, porta-voz do Departamento Prisional da Florida.

O Supremo Tribunal dos Estados Unidos da América indeferiu um pedido para a que a execução fosse suspensa.

Jerry Correll foi condenado à pena capital por ter matado a filha, a ex-mulher, a mãe e a irmã.

Trata-se da 25.ª execução nos Estados Unidos desde o início do ano.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.