Finanças prolongam até hoje prazo para validar faturas e entregar IVA

Finanças prolongam até hoje prazo para validar faturas e entregar IVA

 

Lusa/AO Online   Economia   16 de Fev de 2018, 06:31

As Finanças anunciaram que o prazo para a entrega da declaração periódica de IVA, comunicação e classificação das faturas, bem como comunicação do agregado familiar foi alargado até ao final do dia de hoje, devido a problemas hoje no acesso ao portal.


A mensagem foi colocada no portal das Finanças depois de se terem registado diversos problemas ao longo da noite de ontem, o último dia do prazo, para aceder aos portais e conseguir efetuar as operações, como foi constatado pela Lusa e por queixas enviadas à redação.

“Informa-se que foram prorrogados até sexta-feira, dia 16 de fevereiro, os prazos para entrega da declaração periódica de IVA relativa ao 4.º trimestre de 2017, comunicação e classificação das faturas e comunicação do agregado familiar”, refere a mensagem divulgada pelas Finanças no seu portal.

Durante a noite de hoje, a Lusa constatou que o portal do e-fatura, bem como o portal das Finanças, estiveram em baixa grande parte da noite, o que levou várias pessoas a reclamarem da situação também nas redes sociais.

O prazo para os contribuintes validarem e confirmarem as faturas de 2017 no portal e-fatura, que vão servir de base às deduções em IRS referentes ao ano passado, terminava hoje.

Hoje terminava também o prazo para os sujeitos passivos confirmarem ou alterarem os dados sobre a composição do agregado familiar e outros elementos pessoais relevantes, nomeadamente informação sobre residência alternada de dependentes em guarda conjunta estabelecida em acordo de regulação do exercício das responsabilidades parentais, para que a AT disponibilize o IRS Automático ou pré-preencha o 'modelo 3' com estes elementos pessoais atualizados.

Era também o último dia para a entrega do IVA relativo ao quarto trimestre de 2017.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.