Cuba

Fidel afirma que Sarkozy "parece" estar louco

Fidel afirma que Sarkozy "parece" estar louco

 

Lusa/AO online   Internacional   13 de Set de 2010, 11:06

O ex-presidente cubano Fidel Castro afirmou na última das suas reflexões que "parece" que o Presidente francês, Nicolas Sarkozy, está a ficar louco, supostamente devido à sua política de expulsão de ciganos romenos.
A reflexão de Castro, publicada no domingo no "site" Cubadebate, é dedicada à França, tanto pelas expulsões de ciganos como pelo seu poder nuclear, que consiste, segundo Fidel, em 300 bombas que só podem ser accionadas com chaves guardadas numa mala que está na posse do próprio Sarkozy.

"Suponhamos que Sarkozy de repente ficava louco, como parece ser que está a acontecer. Que faria nesse caso o Conselho de Segurança das Nações Unidas a Sarkozy e à sua mala?", pergunta Castro.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.