Festival Maré de Agosto anuncia primeiros nomes para 33ª edição

Cultura e Social /
Maré de Agosto

1718 visualizações   

Músicos portugueses, cubanos, espanhóis, franceses e sul-africanos vão atuar este ano no festival Maré de Agosto, que decorre de 18 a 20 do mês que lhe dá nome, na ilha de São Mariao.
 

Do cartaz da 33ª edição do festival fazem parte artistas como Soweto Soul, La Sra Tomasa, Bombino, Moullinex, Cristóvam, Retimbrar e Les Freres Smith.

“Temos um pouco de tudo. Vários géneros musicais e este ano vamos ter três atuações por noite, mais um ‘live set’ ao contrário dos últimos anos, em que normalmente tínhamos uma DJ. Trata-se de uma performance ao vivo em que parte da música é feita no momento”, afirmou à agência Lusa Roberto Moura, responsável no festival pela imprensa.

O Maré de Agosto realiza-se anualmente, sem interrupções, desde 1984 em Santa Maria, sendo, o festival português de música que se realiza há mais tempo de forma contínua.

As várias edições deste festival, organizado pela Associação Cultural Maré de Agosto, já levaram a Santa Maria, onde vivem cerca de 5.500 pessoas, centenas de bandas e perto de mil músicos.

Segundo Roberto Moura, faltam apenas anunciar quatro artistas, cujas negociações ainda decorrem, mas que a organização conta poder revelar quem são em maio ou o mais tardar em junho.

“O festival, efetivamente, depois de 32 edições a caminho das 33 já ganhou algum nome pelo mundo inteiro, nem que seja pelo facto de alguns artistas que vêm e espalham sempre a mensagem”, referiu Roberto Moura, acrescentando que há músicos que atuam na Maré porque conheceram alguém que já tocou antes.

O responsável destacou, ainda, a importância do festival para uma ilha pequena como Santa Maria e para o arquipélago, uma vez que açorianos de todas as ilhas acorrem à Maré, no sentido de dar a conhecer novos géneros musicais e novos projetos artísticos na baía da praia Formosa.

“Tentamos que seja bastante diversificado e inclua géneros musicais do mundo inteiro”, assegurou Roberto Moura, acrescentando que a edição 2017 do festival tem uma água viva como imagem de marca.

Além dos concertos, o festival Maré de Agosto inclui sempre exposições de fotografia, atividades desportivas, entre outras iniciativas de cariz cultural durante os três dias do evento.

O cartaz, assim como outras informações referentes a atividades, transportes e campismo podem ser consultadas na página oficial do festival: www.maredeagosto.com.