Feridos nos ataques de Barcelona e Cambrils sobem para 135

Feridos nos ataques de Barcelona e Cambrils sobem para 135

 

Lusa/AO online   Internacional   18 de Ago de 2017, 15:10

O número de feridos nos ataques registados na quinta-feira em Barcelona e Cambrils, na região espanhola da Catalunha, subiu para 135, dos quais 15 em estado grave.

Segundo os últimos dados divulgados pela Proteção Civil espanhola, citados pela estatal RTVE, o duplo ataque na Catalunha fez 14 mortos, 13 em Barcelona e um em Cambrils, cidade costeira de Tarragona, e também 135 feridos de, pelo menos, 34 nacionalidades.

O ataque levado a cabo por um homem, ainda procurado pelas autoridades, que, ao volante de uma furgoneta, atropelou mortalmente 13 pessoas, na avenida mais movimentada de Barcelona, Las Ramblas, ocorreu pelas 17:00 locais (16:00 em Lisboa) de quinta-feira e foi reivindicado pelo grupo 'jihadista' Estado Islâmico.

Horas depois, em Cambrils, cidade costeira de Tarragona, a uma centena de quilómetros a sul de Barcelona, a polícia abateu cinco suspeitos, que envergavam coletes simulando cargas explosivas, e atropelaram seis pessoas, uma das quais acabou por morrer, tornando-se na 14.ª vítima mortal.

Mussa Oukabir, irmão de um dos detidos, Driss Oukabir, de nacionalidade marroquina, é procurado como o presumível mentor dos ataques.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.