Federação das Pescas nos Açores satisfeita com aumento de 14% no plano de investimento

Federação das Pescas nos Açores satisfeita com aumento de 14% no plano de investimento

 

Lusa/AO Online   Regional   30 de Set de 2015, 17:06

O presidente da Federação das Pescas dos Açores considerou hoje "positivo" o aumento de 14% previsto para o setor na proposta do plano regional de investimento público para 2016, alegando que

Gualberto Rita falava à Lusa depois de ter participado, em Ponta Delgada, na reunião do Conselho Regional de Concertação Estratégica em que o executivo apresentou a proposta final do plano, que ultrapassa os 780 milhões de euros (cerca de mais 8% do que o de 2015).

No final do encontro, que reuniu vários parceiros sociais, o presidente do Governo Regional, Vasco Cordeiro, anunciou que para o setor das pescas e da aquacultura está previsto um aumento de 14%.

Gualberto Rita disse que o aumento “significa mais 3,3 milhões de euros para investir num setor muito importante para o arquipélago”.

“Obviamente que para responder a todas as situações 14% não seria suficiente, mas dentro daquilo que estávamos a perspetivar concordamos com o que foi apresentado”, disse o representante dos pescadores açorianos.

Gualberto Rita referiu que “vão ter de ser tomadas medidas” para tornar o setor cada vez mais sustentável, destacando, por exemplo, o abate de algumas embarcações, “por forma a evitar um maior esforço de pesca na região”.

Os Açores contam com 3.500 pescadores dispersos pelas nove ilhas.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.