Fármaco para impedir progressão do Alzheimer é projeto apresentado ao Programa COiTEC


 

Lusa/AO online   Ciência   1 de Jul de 2014, 17:36

Um fármaco para impedir a progressão do Alzheimer é uma das ideias de negócio globais apresentadas na sessão da edição deste ano do Programa COHiTEC, que decorre na Porto Business School, em Matosinhos.

Entre os 16 projetos apresentados na edição de 2014 do Programa COHiTEC está também um ‘kit’ para despiste das causas genéticas da infertilidade masculina e um produto para geração e armazenamento de energia através do esforço humano, afirmou o diretor da área de Valorização de Conhecimento da Cotec, Pedro Vilarinho.

Os 16 projetos que concluem a edição de 2014 do Programa COHiTEC foram concretizados por 48 investigadores, 24 estudantes de gestão e 32 mentores.

Durante o Programa COHiTEC, que vai decorrer ao longo de quatro meses, estas equipas multidisciplinares vão “gerar ideias de produto” baseadas nas tecnologias participantes e preparar “um projeto de negócio” para uma de essas ideias.

As tecnologias que estão na base dos projetos foram desenvolvidas nas universidades de Aveiro, Coimbra, Lisboa, Minho, Nova de Lisboa e Porto e nos institutos IBET e WavEC.

“Acreditamos que o trabalho em equipa de investigadores, estudantes de gestão e mentores desenvolvido no COHiTEC é crucial para o êxito dos projetos e das futuras empresas”, salientou aquele responsável.

“Desde a sua criação, em 2004, já apoiámos 123 projetos, que deram origem a 23 empresas de base tecnológica com vocação global”, frisou.

De acordo com o administrador da Caixa Geral de Depósitos (CGD), Jorge Cardoso, “a Caixa está a ajudar a mudar as mentalidades para que os jovens sejam mais pró-ativos, sem medo de correr riscos no mercado empresarial”.

“Acreditamos no seu potencial e investimos em empresas que apostam na inovação tecnológica”, disse ainda o gestor.

O Programa COHiTEC é uma iniciativa da COTEC Portugal - Associação Empresarial para a Inovação, que conta com o apoio da CGD, da Caixa Capital e da FLAD - Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento e é realizado em parceria com o Centro HiTEC da North Carolina State University, a Porto Business School e o INDEG-IUL ISCTE Executive Education.

Este programa é uma ação de formação centrada na avaliação de produtos ou serviços que podem ser obtidos a partir de tecnologias desenvolvidas pelos participantes no programa, sendo a porta de entrada de projetos de elevado potencial de crescimento na iniciativa Act (Acelerador de Comercialização de Tecnologias).

Podem candidatar-se ao Programa COHiTEC investigadores (individuais, de empresas ou de instituições nacionais de I&D) que proponham uma ou mais tecnologias cujas características únicas permitam dar resposta a uma necessidade de mercado.

Ao longo do programa, os participantes têm o apoio de estudantes de gestão das Escolas de Negócio associadas ao COHiTEC e de mentores, que os ajudam no processo de avaliação das tecnologias.

A COTEC Portugal foi constituída em abril de 2003 com a missão de “promover o aumento da competitividade das empresas localizadas em Portugal, através do desenvolvimento e difusão de uma cultura e de uma prática de inovação, bem como do conhecimento residente no país”.

Trata-se de uma associação sem fins lucrativos que conta com o apoio dos seus associados e das instituições do Sistema Nacional de Inovação (SNI) para a concretização dos seus objetivos, através da realização de iniciativas em várias áreas.

Desde o início da sua atividade que o cargo de presidente da assembleia-geral tem sido exercido pelo Presidente da República.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.