Farinhas portuguesas respeitam requisitos europeus


 

Lusa / AO online   Nacional   22 de Abr de 2010, 17:33

A Associação Portuguesa da Indústria de Moagem e Massas (APIM) assegurouesta quinta-feira  que as matérias-primas utilizadas em farinhas respeitam requisitos europeus de segurança alimentar.
“As indústrias de moagem efectuam a compra de cereal de acordo com os requisitos legais aplicáveis, para além de possuírem sistemas de controlo que permitem assegurar que todas as matérias-primas utilizadas no fabrico de farinhas estão em conformidade com os requisitos de segurança alimentar”, refere a APIM em comunicado enviado à agência Lusa.

A associação reagia às notícias - que classificou de “pouco esclarecedoras” - divulgadas quarta-feira e segundo as quais um estudo científico de âmbito nacional comprovou a existência, em alguns tipos de pão, de uma substância química tóxica prejudicial à saúde produzida por fungos: a ocratoxina.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.