Conjuntura

Falta de controlo monetário descredibiliza países da zona Euro


 

Lusa / AO online   Economia   7 de Abr de 2010, 11:28

A dívida dos países que integram a zona Euro perdeu credibilidade aos olhos do mercado de crédito internacional pois estes não têm controlo monetário, defende o presidente do grupo financeiro norte-americano Delphi, Robert Rosenkranz.
"Nenhum deles tem o mesmo tipo de credibilidade que os Estados Unidos têm ou o Japão, ou qualquer país que controla a sua moeda. É mais fácil para eles falharem se perseguirem políticas desastradas", pois não podem dispor de políticas monetárias autónomas, disse em entrevista à Lusa Rosenkranz, cujo grupo gere activos de perto de cinco mil milhões de dólares.

"O problema é que os países europeus abdicaram da sua soberania, não podem imprimir moeda, fazem parte do euro e estão constrangidos", afirma o investidor, filantropo e membro do conselho de Universidade de Yale.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.