Eleições regionais

Ex-líder do PDA pede o voto dos independentistas da FLA


 

Lusa/AO online   Regional   25 de Set de 2012, 15:23

O ex-presidente do Partido Democrático do Atlântico (PDA), Manuel Costa, apelou aos "simpatizantes da Frente de Libertação dos Açores (FLA)", que defende a independência do arquipélago, para que votem no partido nas eleições regionais de outubro.

“Nunca como hoje é necessário que os simpatizantes da FLA se decidam a votar no PDA”, defendeu Manuel Costa, num documento enviado à Lusa, onde considera que “a atual situação não se compadece com desculpas de que o PDA não representa os ideais da FLA”.

Manuel Costa alertou que, caso nenhum partido consiga a maioria absoluta nas eleições de 14 de outubro, “um deputado pode fazer a diferença que os Açores tanto precisam”, numa referência à importância que a eleição de um deputado do PDA pode assumir num parlamento sem maioria absoluta.

“Já basta de votarmos sempre nos mesmos (PS, PSD e CDS-PP), está mais que provado que os açorianos que militam nestes partidos políticos não defendem os interesses dos açorianos”, frisou.

Para Manuel Costa, “o povo açoriano está farto de ser governado por cidadãos açorianos que são muito obedientes às orientações que lhes são dadas de Lisboa”, considerando que essa “dependência” é que esteve na origem da assinatura de um memorando de entendimento com o Governo da República que “hipoteca os mais elementares princípios da autonomia açoriana”.

Nas eleições regionais de 2008, o PDA conquistou 627 votos em todo o arquipélago, representando 0,7 por cento do total.

Para as eleições de 14 de outubro, o PDA, que é o único partido político nacional com sede nos Açores, apresenta candidaturas nos nove círculos eleitorais de ilha e no circulo de compensação.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.