EUA libertam mais quatro detidos em Guantanamo

EUA libertam mais quatro detidos em Guantanamo

 

LUSA/AO Online   Internacional   20 de Dez de 2014, 14:14

Quatro afegãos que estavam detidos na prisão norte-americana de Guantanamo foram libertados e levados para o país de origem, anunciou hoje o Pentágono.

Shawali Khan, Khi Ali Gul, Abdul Ghani e Mohammed Zahir foram libertados da prisão, situada na ilha de Cuba, depois de um "exame minucioso" dos seus dossiers, nomeadamente no aspeto de segurança, disse o ministério da Defesa dos Estados Unidos, em comunicado. Depois desta transferência, continuam 132 homens detidos em Guantanamo. As libertações hoje anunciadas, assim como a de outros seis detidos que foram enviados para o Uruguai, no início do mês, permitem à administração norte-americana aproximar-se do objetivo anunciado pelo Presidente Barack Obama em 2009, de fechar a prisão de Guantanamo. A prisão é um símbolo da controversa "guerra contra o terrorismo" iniciada pelo então presidente George W. Bush, depois dos atentados de 11 de setembro de 2001.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.