Estado vai emitir Obrigações doTesouro num total de 500 milhões de euros

Estado vai emitir Obrigações doTesouro num total de 500 milhões de euros

 

Lusa/AO Online   Economia   19 de Jul de 2016, 09:14

O Estado vai emitir entre quarta-feira e 09 de agosto de 2016 Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável (OTRV) Agosto 2021

Em comunicado, o Ministério das Finanças (MF) informou que a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) vai emitir, para subscrição pública a OTRV Agosto 2021”, , explicando que as “OTRV, um instrumento de dívida pública de retalho criado com o objetivo de promover a aplicação da poupança de médio e longo prazo das famílias, são colocadas diretamente junto dos aforradores e dirigidas ao público em geral”.

De acordo com o MF, as obrigações são emitidas por um período de cinco anos, com reembolso do capital em 12 de agosto de 2021, e os seus titulares têm o direito a receber um juro variável, pago semestralmente, em 12 de fevereiro e 12 de agosto de cada ano, a uma taxa de juro variável e igual à Euribor a seis meses, acrescida de 2,05%, com uma taxa de juro mínima de 2,05%.

O montante da emissão é de 500 milhões de euros, “podendo ser aumentado, por opção do emitente, até ao dia 02 de agosto de 2016, inclusive. Os títulos serão admitidos à negociação na Euronext Lisbon, o que constitui uma garantia da liquidez do produto até ao seu vencimento”.

Segundo a nota, os investidores poderão subscrever as OTRV junto de uma instituição de crédito autorizada, devendo consultar o folheto de subscrição.

“A primeira emissão - OTRV Maio 2021 - foi admitida à negociação no mercado regulamentado da Euronext no passado dia 19 de Maio”, acrescenta o MF.

O montante global inicial previsto para colocação destas OTRV “foi fixado em 350 milhões de euros, mas após a forte procura verificada, o IGCP decidiu elevar o montante para um total de 750 milhões de euros, sendo que 95% da emissão OTRV MAIO 2021 ficou nas mãos de investidores residentes ou com estabelecimento em Portugal”.

O Ministério adiantou ainda em comunicado que durante o período de subscrição, que decorreu entre 26 de abril e 16 de maio, a procura dos títulos ultrapassou os 1,2 mil milhões de euros.

“Esta emissão foi a maior Oferta Pública de Subscrição de sempre realizada com obrigações, no sistema de centralização da Euronext Lisbon, tendo sido processadas cerca de 39 mil ordens no total”, é referido.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.